Notícias, atualidades e curiosidades acerca da cidade de Viana do Castelo, Portugal.

Viana vai ganhar novo arruamento

Estas fotos foram tiradas hoje, dia 27.08.2009 e mostram o estado em que se encontram os trabalhos, que depois de concluídos, vão dar origem ao novo arruamento.




O centro de Viana do Castelo vai ganhar um novo arruamento que ostentará o nome do poeta que cantou a cidade: Pedro Homem de Mello. Uma vez concluída, a futura rua ligará a Avenida Afonso III (junto à ponte Eiffel) à Praça D. Maria II (onde se situava o antigo mercado municipal). A autarquia não adianta ainda prazos para a conclusão dos trabalhos. Contudo, afiança tratar-se de obra "que a cidade aguarda há mais de meio século". 
Prevista no programa Polis (ver caixa), a intervenção ganhou contornos reais em finais do ano passado, com a aquisição, pela Câmara Municipal, da terceira e última parcela necessária à abertura do arruamento, que foi, durante décadas, conhecido por rua "projectada à Afonso III". 
Estimada em mais de meio milhão de euros, a aquisição dos imóveis motivou o arranque dos trabalhos de prolongamento da artéria até ao antigo mercado, intervenção que implica, de acordo com o Município, a demolição de dois prédios urbanos, situados na Rua Nova de S. Bento (que será atravessada pela futura rua). Segundo a Autarquia, a Rua Pedro Homem de Mello disporá apenas de um sentido de trânsito. 
Para o Executivo municipal, a obra é tida como "muito importante" para o centro histórico vianense, uma vez que contribuirá para facilitar a circulação "tanto na área do futuro mercado municipal - que a sociedade gestora do Polis de Viana do Castelo (a VianaPolis) pretende erguer no espaço actualmente ocupado pelo prédio "Coutinho" -, como em toda a envolvente". 
O primeiro imóvel necessário ao prolongamento do arruamento foi adquirido pela Autarquia há cerca de dois anos e o segundo em Outubro passado. No caso, as aquisições dizem respeito aos prédios habitacionais que se encontram a ser demolidos para darem lugar à futura artéria. 
Há décadas ansiada, a proposta só viria a ser equacionada pelo programa Polis. Contudo, a obra com vista à criação do arruamento não viria a ser lançada pela sociedade gestora daquele programa, que, apesar de se encontrar ainda em actividade, tem a sua intervenção circunscrita à demolição do prédio "Coutinho". 

Artigo do Jornal de Notícias de 2009.08.27

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Nove praias em Viana com “Qualidade de Ouro”

Sábado Florido em Viana

WRC Vodafone Rally de Portugal 2018 passa amanhã em Viana