Notícias, atualidades e curiosidades acerca da cidade de Viana do Castelo, Portugal.

Casa de João Velho

João Velho deve ter nascido pelos anos vinte do século XV.
Em 1456 foi Juiz de Viana. Nesse mesmo ano foi Provedor da Confraria dos Mareantes. Foi escudeiro do Duque de Bragança e embarcou, em 1471, na grande armada para a conquista de Arzila. Foi diversas vezes procurador, por Viana, às cortes e, em 1497, foi mesmo representante de toda a província e Comarca de Entre Douro e Minho a essas magnas reuniões nacionais.
Morreu pouco antes de 1506 e ficou sepultado na Capela do Senhor dos Mareantes.

Extractos retirados do livro "Viana do Castelo 75 Décadas de História, 75 Figuras Notáveis" edição da Câmara Municipal de Viana do Castelo.

A Casa dos Arcos ou de João Velho, implantada no largo da igreja matriz de Viana, é um dos poucos exemplares de arquitectura civil gótica do género que subsiste em Portugal. Foi edificada numa época de grande desenvolvimento económico e social da vila de Viana, devido à importância do seu porto na empresa da expansão ultramarina. A tradição popular afirma que nesta casa terá vivido João Velho o Velho , conhecido navegador e notável da vila, e que aí se hospedou D. Manuel na sua peregrinação a Santiago de Compostela em 1502. No entanto, sabe-se que na realidade João Velho vivia junto à Porta do Postigo, alguns arruamentos abaixo, junto ao rio. Possivelmente esta seria a habitação de seu filho, que tinha o mesmo nome.
É de salientar que a Casa dos Arcos integrava um conjunto de casas existentes no largo da matriz, todas com a mesma estrutura arquitectónica, em que o andar nobre assenta sobre alpendre aberto por arcos. Esta tipologia manifesta evidentes semelhanças com exemplares de arquitectura civil galega da mesma época.

Texto retirado do site do IGESPAR





Comentários

Mensagens populares deste blogue

Viana prepara-se para a Festa

Romaria D’Agonia 2017 | Programa provisório

ROMARIA D’AGONIA | Começa a 17 de agosto e já tem programa