Notícias, atualidades e curiosidades acerca da cidade de Viana do Castelo, Portugal.

''Se não há dinheiro, o que é que vão fazer?''


3 Perguntas a... Eduardo Souto Moura, Arquitecto

A Câmara de Viana do Castelo confirmou a suspensão da obra do Coliseu. Incomoda-o ver uma obra sua parada, inacabada, no tempo?
Não me incomoda de especial forma. O problema deste País é que se lançam obras novas sem acabarem as outras. Mas tenho de confiar no bom senso das pessoas da Câmara de Viana e na sua vontade em ultrapassar este problema.
E compreende esta decisão de parar a construção a meio?
Se não há dinheiro, o que é que vão fazer? O empreiteiro não pode trabalhar sem receber, não é? O que sei é que a paragem não pode ser de muito tempo. É um edifício de ferro, que não pode ficar muito tempo a descoberto, para não condicionar a obra que já foi feita.
E quanto aos referenciados problemas de infiltração na estrutura?
Havia um problema identificado e que foi solucionado juntamente com a empresa construtora. Não é nenhuma nascente de água que está ali, mas tínhamos umas infiltrações, que serão resolvidas com a construção de uma galeria técnica para escorrer as águas. O resto são "bocas" de algumas pessoas que não sabem o que se passa.

Fonte: Diário de Notícias (05.02.2011)

Comentários

capitão disse…
Eu não percebo nada de Urbanismo. Dito isto, arrisco uma opinião ignorante. Será que o Coliseu não está votado a ser mais um elefante branco na cidade? Será que se estudou devidamente se há público que o justifique?
Ou Viana tem uma população com dinheiro e disponibilidade suficientes para lhe manterem a viabilidade, ou o preço que custará à edilidade irá torná-lo incomportável.
Anónimo disse…
Cheira-me a mais um elefante branco na área conquistada ao rio...
Anónimo disse…
Acredito que uma programação cultural de qualidade possa vir a trazer bastante gente a Viana. No caso disto vier a verificar-se o coliseu será em meur entender uma mais valia... Vejam os exemplos da Casa das Artes de Famalicão, do Teatro Circo de Braga, do multiusos e do Palácio Vila Flor de Guimarães... O que é pena nesta história é que esta situação só vem confirmar o estado de profundo caos a que chegou a Câmara Municipal de Viana do Castelo... Talvez se não admitissem tantos incompetentes a Câmara teria certamente poupado uns cobres valentes que poderiam ajunar na finalização da construção do Multiusos. Mas não é só isto... A própria adjudicação da empreitada a uma empresa praticamente falida trouxe certamente prejuizos... E porque é que sabendo desta situação a Câmara mesmo assim resolveu adjudicar esta empreitada a uma empresa falida? Talvez porque o amigo Painhas estivesse no consórcio. A isto se chama clientelismo. Clientelismo este que o Defensor combateu nas últimas eleições!
O clientelismo está instalado á muito tempo nesta cidade. O Sr. Defensor tanto falou sobre o clientelismo quando na própria câmara dele é o que não falta, bastava ver os seus seguidores nas eleições.
Mas será que as gentes de Viana ainda não viram ou deixam passar ?
Viana tem todo o encanto sem duvida alguma. Mas continua a ser só para aguns.
PJ disse…
Tanto dinheiro gasto em betão e para pagar ao arquitecto para um "multiusos" que mais parece de uma aldeia! Perguntam se Viana tem gente para encher este "pavilhão"!!?? Se mais parece um Gimno de uma escola secundária! Faz lembrar as piscinas! Já que querem gastar dinheiro que o gastem bem gasto! E depois querem ter atletas de competição e artistas em viana com coisas tão pequenas!
Gastai para aí ! $$$$$$$ o que é dinheiro para gastar. disse…
Há 24 câmaras falidas , outras em vias de falir, outras com os pagamentos em atraso.
Será que nos Países civilizados da Europa esta pouca vergonha é mantida e permitida.
Acho que não , o dinheiro foi esbanjado sem conta e medida.
Gastou-se o que tinha e não tinha, fizeram -se obras sem controle, e o próprio povo que pague as asneiras que os outros fizeram.
Muitos entraram na politica com uma mão atrás e outra á frente ,humildes nas campanhas e sempre a falar na voz do povo .
O povo tem agora o que merece ,sacrificios e mais sacrificios por acreditar nos politiqueiros.
Anónimo disse…
Ao anónimo defensor do pseudo defensor do clientelismo que promoveu os tachos em Viana. o coliseu não existe! nem vai trazer nada a Viana! só fala dos casos de Famalicão e de Braga quem não os conhece: estão falidos depois de uma tentativa gorada de vender espectáculos que ninguém quis ver.
Enfim, as cidades fazem de pessoas para as pessoas...não se fazem de pedras para as elites!
Anónimo disse…
...só leio demagogias...
Anónimo disse…
....demagogias e mais demagogias...só tenho a dizer uma coisa......CADEIA COM OS QUE LEVARAM VIANA AO ESTADO EM QUE ESTÁ....E NÃO DIGAM QUE A CULPA É DA CRISE....

Mensagens populares deste blogue

PRAIA NORTE | Marginal pedonal vai abrir ao público

VIANA DE ANTIGAMENTE | Chafariz da Praça

"World Explorer" made in Viana do Castelo

ESCADÓRIO DE SANTA LUZIA | Descer 659 degraus de bicicleta... uma proeza de cortar a respiração

Romaria D’Agonia 2017 | Programa provisório