Notícias, atualidades e curiosidades acerca da cidade de Viana do Castelo, Portugal.

Polémica: Habitantes do Largo Infante D. Henrique não querem mais ''empecilhos'' a fazerem sombra às casas


A população do Largo Infante D. Henrique, em Viana do Castelo, tem estado a contestar o projecto de requalificação daquela artéria, que nesta altura está praticamente terminado. Em causa está o facto de o projecto prever a colocação de sete árvores, no espaço em frente à Unidade de Saúde Familiar Gil Eannes, ou seja, do lado de um conjunto de habitações da ribeira. Os habitantes têm contestado a decisão porque, como diz Elisabete Nogueira, já lhes basta o “comboio de cimento” que têm em frente às suas casas.
Os habitantes já deram conta do descontentamento à Câmara Municipal e à Junta de Freguesia de Monserrate. O presidente da Câmara de Viana ter-se-á inclusivamente disponibilizado para ver as obras e ouvir as preocupações dos moradores, que até têm uma sugestão para que a rua possa ser embelezada. Os moradores do Largo Infante D. Henrique propõem a colocação de 7 floreiras nos espaços que estavam destinados a árvores. O que não aceitam é que no local sejam colocados mais motivos para deixar aquele conjunto de habitações “na penumbra”.

Fonte: Rádio Geice (28.07.2011)

Comentários

  1. Uma autentica vergonha.29 de julho de 2011 às 23:01

    Na verdade fizeram um predio que nas traseiras é uma autentica vergonha.
    Um comboio de cimento, umas caixas de fosforos inadequadas ao local.
    Para fazer o que fizeram mais valia estar como estava, manter os armazéns velhos . O espaço era mais airoso e amplo.
    Assim implantaram uma muralha á força naquela artéria que abafa os moradores.
    Alguém na altura se preocupou com os moradores se achavam bem a construção daquele " Mamarracho " , quase em cima da rua ,
    a volumetria ,o comboio de cimento ,a estética ,alguem foi tido e achado.
    Tanto esperto , e nenhum deles reinventou ou procurou manter a Praça inicial com o Jardim com Palmeiras como à cerca de cem existiu no local.
    Só fazem o que querem e o que lhes interessa.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Viana do Castelo 8.º concelho mais exportador do norte em 2016

VIANA | Semana do Mar e Aniversário do Centro de Mar arrancam hoje