Notícias, atualidades e curiosidades acerca da cidade de Viana do Castelo, Portugal.

Russos interessados nos Estaleiros de Viana do Castelo

O presidente da Câmara de Viana do Castelo admitiu hoje o interesse de investidores russos nos Estaleiros Navais de Viana do Castelo, os quais já reuniram com a administração daquela empresa pública. Segundo José Maria Costa, este contacto foi feito através do município por uma empresa de consultadoria internacional que representará investidores russos na área das energias. "Fizemos chegar essa informação [do interesse] aos estaleiros e na passada sexta-feira houve um contacto da empresa russa junto da administração. Eu próprio recebi essa delegação na Câmara Municipal, antes da reunião", explicou o autarca. José Maria Costa acrescentou que esta movimentação poderá estender-se a outras propostas, no âmbito da economia do mar, apresentadas pelo município que mereceram "grande interesse dos investidores". Sobre as propostas em cima da mesa, a administração dos Estaleiros Navais de Viana do Castelo (ENVC) nada adianta, mas José Maria Costa, que igualmente na sexta-feira reuniu com o novo presidente do conselho de administração, Jorge Camões, diz-se agora mais sereno. "Fiquei bem impressionado com o interesse e a motivação do novo presidente e parece que de facto está a ser estudada uma solução de viabilidade para os estaleiros, o que nos deixa mais sossegados", apontou José Maria Costa. O Ministério da Defesa decidiu esperar até Outubro por uma proposta para a viabilização dos ENVC, a propor pela administração. Em Junho, a anterior administração, liderada por Carlos Veiga Anjos, chegou a anunciar um plano de reestruturação prevendo a saída de 380 dos 720 trabalhadores, como forma de diminuir os custos fixos, tendo em conta o prejuízo acumulado de 240 milhões de euros. O plano foi entretanto suspenso, e segundo informação da Empordef, 'holding' pública para as indústrias da Defesa, surgiram agora várias propostas de parcerias e outras soluções de negócio para os ENVC. "Só ficaremos totalmente sossegados quando tivermos em cima da mesa uma proposta que vá de encontro às aspirações da cidade e dos trabalhadores, em que não se percam empregos numa situação tão difícil como a que o País está a atravessar", afirmou hoje o autarca socialista de Viana do Castelo.

Texto: DN online (19.09.2011)

Comentários

  1. Bem!!!!!! Isto está mesmo a saque! Depois dos chineses só nos faltavam os russos!

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Viana do Castelo 8.º concelho mais exportador do norte em 2016

VIANA | Semana do Mar e Aniversário do Centro de Mar arrancam hoje