Notícias, atualidades e curiosidades acerca da cidade de Viana do Castelo, Portugal.

Inauguração do Centro Cultural de Viana do Castelo foi novamente adiada

A autarquia tinha anunciado que o Centro Cultural seria inaugurado no dia do aniversário dos 755 anos da atribuição do foral a Viana, ou seja 18 de junho de 2013. Agora a nova data prometida para a inauguração é durante o mês de julho. 
Segundo a autarquia, o adiamento deve-se ao mau tempo, que fez com que os arranjos exteriores se atrasassem. 
O Centro Cultural de Viana do Castelo começou a ser construído em janeiro de 2008 e tem um custo de 13,1 milhões de euros. 
Projeto da autoria do arquiteto Souto Moura, inicialmente designado de Coliseu, passou para Pavilhão Multiusos e finalmente Centro Cultural de Viana do Castelo. 
É constituído por três pisos e tem uma área de implantação de 3.792 m2. No piso -1 está inserido o recinto de jogo e o acesso às bancadas laterais. O piso 0 destaca-se pelo vidro utilizado, que garante a transparência entre a cidade, o rio e o interior do próprio edifício. E por último no Piso 1 encontram-se as cabines cénicas e os espaços administrativos. 
Estará preparado para acolher eventos de grande dimensão como provas desportivas, festivais de música, concertos, cinema, congressos, exposições e feiras.

(clique na imagem para ampliar e ver melhor)


Comentários

  1. Só neste país........13 de junho de 2013 às 13:40

    Os historiadores da nossa terra vão ter muitas " istórias " para contar sobre esta obra.
    Conte-se a verdade porque a historia da Praça da Forca foi adulterada e a verdade foi corrigida e publicada em jornal.
    A cidade assistiu a toda a hora à mudança de datas de conclusão, ,à falta de recursos , e à alteração de nomes .
    Uma autentica vergonha só mesmo nesta republica das bananas.








    ResponderEliminar
  2. Estou ansiosa por ver esta obra concluída. Tenho ouvido e lido muitas opiniões discordantes sobre o edifício e a sua localização.
    Na minha modesta opinião acho que depois de tudo pronto vai ficar uma zona da cidade muito atrativa. É preciso é dinamizar espetáculos naquelas instalações para dar vida à cidade.

    ResponderEliminar
  3. Sem querer parecer mais um velho do Restelo, em minha opinião a cidade dificilmente comporta este edifício, que ao que parece tem uma manutenção cara.
    Tem qualquer coisa que lembra a casa de chá da Boa Nova, o estádio em Aveiro, o Edifício Transparente no Porto e a uns metros o edifício da marina.
    Podem ser muito bonitos, mas não têm vida por falta de população pagante.
    Queira Deus que eu me engane, como tantas vezes acontece.
    É que quando se tem de optar entre o pão e o circo, muitos optam pelo circo.

    ResponderEliminar
  4. Viana foi eleita a melhor cidade europeia pela sua dinâmica e gestão.
    Distinguida por uma associação internacional não governamental na Suíça a Oxford Europe Business Assembley " The Best City".
    Deve haver algum equivoco a presença dos organizadores deve ter sido num dia muito chuvoso como é frequente nos dias de inverno por Viana.
    Viana encontra-se numa das zonas mais pobres do país.
    O comércio está na amargura ,as lojas fecham umas atrás das outras.
    A industria é insignificante o que obriga as pessoas e jovens a deslocarem-se para fora na esperança de encontrar um futuro melhor.
    O nível de vida é extremamente caro. O inverno é um desterro , logo cedo não se vê ninguém na rua.
    A cidade apresenta espaços vazios tais como a praça 1o de maio, a Marina considerados pelos locais como " Elefantes Brancos ".
    A cidade só sobrevive de uma industria artesanal em Agosto " O folclore "
    O emprego é uma miragem , quem pretender fazer carreira tem de sair daqui para fora , emigrar ,porque a cidade parou no tempo ....... dorme, como já se dizia aqui à uns anos atrás.

    ResponderEliminar
  5. Para mais tarde recordar27 de junho de 2013 às 21:07

    Aqui há uns anos atrás também apareceu uma instituição estrangeira não governamental com sede em Madrid a distinguir empresas e restaurantes . Era atribuído um prémio aos mesmos pela forma empreendedora e qualidade. O premio era nada mais que um diploma , onde se convocava uma entrega de prémios num hotel, onde se devia formalizar a presença, era paga a estadia de três dias ,incluindo o menu, e a viagem de avião.
    O jornal " tal e qual" desmascarou este tipo de prémios que não passavam de uma burla , e que muito trouxa acreditou .
    Aqui em Viana conheço um caso pontualmente , um restaurante que foi distinguido como o melhor restaurante de Portugal.
    O proprietário acreditou plenamente nesse prémio que mostrava com vaidade , mas tudo não passava de uma farsa.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

VIANA | Os Monumentos Nacionais da Praça

VIANA | O sonho e arte de nove trabalhadores dos ex-ENVC em exposição

Viana do Castelo 8.º concelho mais exportador do norte em 2016