Centro Cultural de Viana nomeado para maior prémio europeu de arquitectura

dezembro 17, 2014 0 Comentários

Para além do Centro Cultural de Viana, Portugal tem mais 18 projectos nomeados para o Prémio de Arquitectura Contemporânea da União Europeia Mies van der Rohe 2015. 
O prémio, no valor de 60 mil euros, foi instituído em 1987 pela Comissão Europeia e pela Fundação Mies van der Rohe. 
A distinção procura “destacar excelentes e recentes exemplos de criatividade arquitectural e sublinhar que a arquitectura moderna está socialmente e culturalmente enraizada nas cidades europeias e é importante para a vida diária das pessoas”. 
O projecto de Álvaro Siza Vieira para o antigo Banco Borges e Irmão, em Vila do Conde, foi o projecto distinguido na primeira edição do prémio, em 1988. 

O Centro Cultural de Viana do Castelo é um projeto da autoria do arquiteto Souto Moura, inicialmente designado de Coliseu, passou para pavilhão multiusos e finalmente Centro Cultural de Viana do Castelo. É constituído por três pisos e tem uma área de implantação de 3.792 m2. No piso -1 está inserido o recinto de jogo e o acesso às bancadas laterais. O piso 0 destaca-se pelo vidro utilizado, que garante a transparência entre a cidade, o rio e o interior do próprio edifício. E por último no Piso 1 encontram-se as cabines cénicas e os espaços administrativos. Está preparado para acolher eventos de grande dimensão como provas desportivas, festivais de música, concertos, cinema, congressos, exposições e feiras.

Saiba mais sobre o Centro Cultural de Viana, clicando AQUI.






0 comments: